Os belos retratos reflexivos de Alessio Albi


Alessio Albi é um fotógrafo nascido em Perúgia, região da Úmbria da Itália, e tem como preferência tirar retratos de mulheres. Iniciou na fotografia com 24 anos, quando desenhava e pintava, onde seu amigo, ao conferir suas pinturas, sugeriu também se expressar com a câmera fotográfica na época de sua faculdade. Além de ser envolvido com retratos, Alessio também tem afinidade com propaganda, storytelling e livros, ele é formado em Biotecnologias Médicas e trabalha, em tempo integral, como nutricionista.

 

Os retratos de Albi misturam simplicidade com toques refinados, transmitem uma atmosfera intrigante onde as mulheres não são apenas “rostos bonitos”, mas sim pessoas que agregam valores. Alessio tenta transmitir emoções de uma forma contemplativa nas modelos, ele improvisa sombras e elementos da natureza, fontes de iluminação naturais e diferenciadas onde mostra uma preferência pela luz difusa de sua neblinosa cidade. O italiano iniciou fotografando de forma autodidata saindo para clicar seus amigos pelos arredores de sua casa, seu trabalho mostra uma ligação profunda com o clima da região onde mora.

 

 

No início de suas experiências com a câmera, o italiano pensou que a fotografia seria mais uma atividade que deixaria para trás, ele precisava de uma maneira de escapar da rotina diária para evitar a apatia e depressão, e fotografar mudou isso, ajudando também a melhorar sua timidez e introversão. Antes dos cliques, ele desenhava seus amigos em papel de tela, que segundo ele, não se considerava muito bom. Em suas produções fotográficas, Alessio usa a música para se inspirar na pré e pós produção de suas fotos, que segundo ele, cria uma atmosfera que precisa. Albi diz se inspirar também através do cinema, livros e videogames.

 

 

 Na maioria das vezes eu saio para fotografar com um humor particular na mente. O humor é inspirado pelas emoções, pelo ambiente e pelo assunto que vou retratar.”

 

 

 Eu poderia ficar na frente do meu computador por 5 horas só para encontrar o tom verde correto, porque eu nunca estou satisfeito com o que eu recebo.”

 

 

 Não fique desanimado com as opiniões negativas dos outros, mas use-as para melhorar. O significado de sua arte para si mesmo é o que mais importa.”

 


* Todas as fotos e informações foram retiradas da página oficial do próprio autor. Para conhecer muito mais do trabalho de Alessio Albi, acesse seu site oficial.

\\ Outras Referências: Fstoppers, Phlearn.


Você também poderá gostar: